28 de fev de 2016

26 de fev de 2016

Véspera de Inverno | #EuNoCafofo



Já disse que amo poemas? Não? Bom: eu amo poemas. Uma vez li em algum lugar (que não me recordo qual) que tem um pedaço do escritor em cada verso e quem o lê, deve fazer com os olhos do coração abertos. 

24 de fev de 2016

As Luzes de Setembro (Trilogia da Névoa #3) | resenha.




Desde meu primeiro contato com Zafón, me apaixonei por ele. Devorei os livros do Cemitério dos Livros Esquecidos, Marina se tornou uma das minhas histórias preferidas, porém da Trilogia da Névoa li apenas As Luzes de Setembro (os outros dois estão na minha lista de leitura para este ano).
Zafón sabe como prender um leitor por uma madrugada inteira e sabe dar a seus livros "doses homeopáticas" de elementos que fazem uma história inesquecível: amor, ódio, vingança, alegria e horror. É maravilhoso como ele cria um elo entre fantasia e realidade sem se perder em sua imaginação. 

22 de fev de 2016

Primeira Parceira 2016 | #CafofoNews



Olá meus queridos, como vão vocês? Eu estou ótima! 

Bom, vim aqui só para pode lhes apresentar a Primeira Parceria do Cafofo Literário ~insira uma música de suspense aqui~: é o Blog Cantinho da Escrita, escrito pela linda da Lídia Peixoto



18 de fev de 2016

O Silêncio dos Inocentes (Hannibal #2) | resenha.


Terça-feira tive de resolver umas coisas no centro da cidade e prometi não passar nem perto do sebo, porém como tinha tempo sobrando prometi a mim mesma que seria uma passadinha rápida e inofensiva. Menti. Creio que devo ter passado duas horas olhando as prateleiras em busca de algo novo até que resolvi perguntar às meninas da livraria se havia algo quase tão bom quanto o King e com um quê de terror. Uma das coisas que mais gosto na Pacobello é a atenção e a disposição que os vendedores tem em ajudar, e logo recebi muitas sugestões, dentre uma delas estava o livro que vou falar. Confesso: ele não me pareceu muito atrativo a princípio e a sinopse atrás não me convenceu muito, mas o entusiasmo da menina me deixou curiosa sobre ele. Após respirar fundo (e espiar algumas páginas), no dia  16/02 conheci o doutor Hannibal Lecter.

15 de fev de 2016

ATENÇÃO: Tem novidades entre nós | #CafofoNews



Senhoras e senhores, como foi o feriado de vocês? Leram bastante? Colocaram suas séries e leituras em dia? Espero que sim! O meu feriado foi muito produtivo, inclusive tive ideias bem legais para o blog que eu ainda estou deixando "dourar no forno".

Então aproveitando que o "ano começa agora" resolvi emancipar o Cafofo. Já estava na hora de libertar o Cafofo das minhas redes sociais e criar páginas só para ele.
Ainda não publiquei nada, quis fazer esse post primeiro, e a mesma regra é válida: o Cafofo é de vocês! Sempre que quiserem podem marcar em tags, fotos, tweets, mandar perguntas, sugestões, críticas, receitas de bolo, enfim interagir (comigo e com outros leitores, porque não?). Abaixo vão ter todos os links, é só clicar neles e já são direcionados às respectivas pages. Aaaaaaaaaaaaaaaah, e se usarem a tag (no instagram)  #EuNoCafofo a foto de vocês aparecerá aqui ao lado, legal né?! 

Espero que tenham gostado e vamos que agora é oficialmente a primeira semana com todos os dias úteis desse ano de 2016!

Um beijão!


11 de fev de 2016

Minha Lua de Mel | #EuNoCafofo



Eu deveria ter intitulado esse post como "Você Já Olhou Para O Céu Hoje? pt. 3", quem me acompanha o Blog desde seus primeiros anos de vida, sabe que eu tenho uma pequena adoração pela Lua...
Esses dias estava aqui "fuçando" nas minhas coisas e resolvi abrir minha Caixinha Especial. Nela eu guardo todas as cartinhas que eu já recebi na minha vida, desde correio elegante, até cartões de aniversário que eu ganhei da minha avó. São parte de mim e não consigo me desfazer delas. Gosto de sentar no chão e ler uma por uma.
E foi justo essa semana que eu abri as minhas cartas para mim mesma, sim eu faço isso desde novinha. Acho que é para nunca me esquecer de todas as fases da minha vida. Meio que um diário, uma terapia própria... E foi nesse montinho de palavras só meu, que encontrei o texto que eu vou publicar abaixo. São seis anos e o que sinto não mudou - e creio que nunca vai mudar. 



10 de fev de 2016

Olhai Os Lírios Do Campo | resenha.



Pensar em Érico Veríssimo é pensar em Olhai Os Lírios do Campo. O próprio autor afirmou que só depois do sucesso de seu best-seller é que pôde "fazer profissão da literatura". Segundo Érico, ele não gostava tanto assim  do romance, achava-o sentimental demais, mas creio que foi devido a esse sentimentalismo que o livro se tornou o sucesso que conhecemos hoje. 

3 de fev de 2016

Assassinato No Campo De Golfe | resenha.



No meu ensino fundamental tive professores que eram odiados pela maioria e amados por mim; aqueles que eram amados pela maioria e odiados por mim, mas também tinham os casos que eram unanimidades e todos gostavam, entre eles estavam o professor de história e a professora de matemática. Ela entrou na minha vida na sexta série e permaneceu com a nossa turma até a oitava e foi uma das únicas prôs de matemática que eu gostava/aprendia alguma coisa. Professora Jocely é daquelas pessoas de fácil conversa e que sempre tinha uma história para contar e foi por intermédio dela que eu conheci a Rainha do Crime.

Agatha Christie (1890 - 1976), britânica, escreveu sua primeira história policial com 26 anos e com a história nascia também o nosso querido detetive belga Hercule Poirot. Com mais de 80 livros publicados e diversas adaptações para a TV, Agatha é a responsável por diversos personagens marcantes e histórias que nos entretêm por horas. Seus livros em geral não são longos e apesar de os personagens serem os mesmos as histórias são distintas. Assassinato No Campo De Golfe é o segundo livro no qual Poirot e seu parceiro Hastings são protagonistas de um assassinato meticulosamente planejado.